O JAGUAR E O MOMENTO QUE O PAÍS ESTÁ VIVENDO

O JAGUAR E O MOMENTO QUE O PAÍS ESTÁ VIVENDO
                Salve Deus!
                Como unidades receptoras e emissoras de energias, temos a capacidade de mudar o padrão das forças que são geradas nesse terceiro plano. Nosso interoceptível como regulador de nossos chacras nos dá a condição de direcionar e até mudar o padrão vibratório do planeta.
                O Jaguar tem o compromisso  no equilíbrio das forças que atuam na mente de encarnados e também de desencarnados. Fazendo uma viagem em direção ao passado vemos que fatos primordiais e grande importância sempre teve a presença do Jaguar no desenrolar desses fatos. Um dos mais notáveis dos movimentos políticos em que o Jaguar esteve presente foi a Guerra civil do Peloponeso.
Atenienses e Espartanos se digladiaram por cinquenta nas planícies do Peloponeso. Não menos dolorosa a revolução francesa que culminou com a queda da bastilha teve em seu seio inúmeros Jaguares... E na revolução de 1964 aqui no Brasil, Tia Neiva em sua clarividência descreveu uma revoada de Falcões por sobre o Palácio do Planalto.
                Há quem diga que o Vale do Amanhecer em Planaltina foi estrategicamente implantado nos fundos do Palácio da Alvorada, a visão do Vale do Amanhecer também foi profetizada pelo Padre Salesiano D. Bosco que previu um lugar especial nessas cercanias.
                Pois bem, muitos Jaguares tem questionado nosso papel no sentido de mudar esse padrão vibratório que hoje estamos vivendo, alegando que há entre nós um estado de turbulência administrativa doutrinária e que essa condição tem impedido de fazer com que trabalhos de estrelas especiais possa ser feito com todo o potencial hierárquico que ainda temos.
Dessa forma estamos faltando com nosso compromisso de tentar estabelecer um estado de paz em nosso pais. Porém , devemos lembrar da capacidade mediúnica que médium desse Mestrado tem sobre si, e sua liberdade  e ação na movimentação da Cabala.
Tia Neiva chegou a afirmar que basta um Doutrinador e um Apará para que fenômenos fossem operados.
Também devemos pensar em nossa capacidade desobsessiva  e na condição que temos enquanto manipuladores dessas poderosas forças na condição do Padrão vibratório, sim dessa forma, nossa condição de permanecer, mesmo que fora dos ambientes sacro-doutrinários de ter acesso as nossas heranças, nosso povo espiritual e vibrar positivamente em favor da paz em nosso pais.
                Não querendo ser pragmático exagerado ou, achar que somos também exageradamente privilegiados na manipulação dessas forças, deixarmos de vibrar ou tomar partido nos atuais acontecimentos que envolvem nossos governantes já bastante proveitoso, se tivermos ou passarmos para frente tais fatos; que seja positivamente.
                Contam uma pequena fábula que havia um Monge e um discípulo que estavam subindo as escadarias que levava ao Palácio de Lhasa Tibet. O Monge ao passar por uma mulher amamentando comentou:
                -Olha Meu filho!
                -Que seios lindos ela tem!
                O discípulo ouvindo aquilo de seu Mestre passou toda a subida questionando e julgando tal situação.
Ao chegar no fim da caminhada disse ao seu Mestre!
                -Mestre, não consegui esquecer o comentário que o Senhor fez sobre os seios daquela mulher!
                - Pois é meu Filho!
                - Os que vi ..Os deixei lá embaixo!
                Sabemos de nossas responsabilidades como cidadão e eleitores, temos um plexo físico e mesmo Tia Neiva disse que temos que obedecer o rege nossos governantes!
Porém, nossa condição de Mestres desse sacerdócio sobrepujam todas as condições do plexo físico e sem mencionar o juramento que fizemos do não envolvimento com qualquer coisa que leve sofrimento ou estabeleça laço de divisão e julgamento.
                Gilmar
Adjunto Adelano