VIAGEM AS ESTREALS



VIAGEM AS ESTRELAS

            Salve Deus!

            Diante de duas coisas distintas e tão similares comecei a fazer uma viagem imaginária pelo infinito e assim comecei a pensar nas estrelas, sim estrelas, primeiramente a estrelas que estão contidas nas galáxias e essas imersas no universo, depois as estrelas dos Sandays e por fim as estrelas candentes de desse mundo fantástico de Tia Neiva.
            Diante da imensidão do universo, nessa viagem imaginária estamos em uma nave, em uma Amacê;  estamos a dezenas de anos luz de nosso mundo azul, nosso pequeno planeta Terra.
 Estamos em Capela, de lá visualizamos a grandiosidade de tudo e vemos o quanto nossos valores humanos podem ser pequenos, principalmente os que estão na senda do egoísmo,da vaidade e orgulho. Nosso mundo azul numa órbita calculada a milhões anos circunda um sol que dá energia e luz para a manutenção da vida.
             Em outra galáxia . deixamos nossa origem, Capela e nos propusemos a trazer toda uma cultura para a Terra. Equitumans, deuses que chegaram  com a promessa a seus superiores que iriam promover o bem e levar a cultura, evolução aos habitantes da Terra .Porém, quando aqui chegamos e com a passagem do tempo, o aroma da terra, seus prazeres levou os deuses a perderem a ótica de sua missão.
Assim gradativamente foram perdendo suas características evolutivas  e assumindo os valores dos terráqueos, a missão comprometida foi sendo esquecida... Então foi necessária a reparação, destruição daquela civilização, e uma Nave chamada Estrela candente conduzida pelo grande Orixá num vôo razante destruíndo aquela civilização.
            E volta novamente o homem a olhar para o universo, negro,infinito,mundos,planetas, dimensões...E as civilizações se sucedem, e novamente os viajantes atemporais reprogramam a missão dos capelinos e o espírito espartano lança suas sementes para nesse limiar do terceiro milênio a força de estrelas brilhantes no céu emanassem suas força no poder cabalístico e iniciático guardado a milênios por Monges Tibetanos,Faraós e magos fossem doados, cedidos a um veterana na manipulação desses poderes chamada Natachan.
            A promessa se cumpriu, surge no Brasil Neiva Chaves, cumprindo a preconização feita na Cachoeira do Jaguar traz para Terra numa promessa de libertação espiritual o Doutrinador.
            Num Vale do Amanhecer, onde cada amanhecer traz um novo sol de esperanças ,novamente estrelas na contagem iniciática. 108 estrelas em mantras na formação do Santo Nono na contagem de Trinos formam sua hierárquica contagem 1+0+8= 9, o Santo Nono, três raízes que distribuem a força das raízes do Amanhecer  em Simiromba,Olorun e Obatalá...Raízes do céu e por fim o mesmo poder daquela Amacê que reparou a civilização dos Equitumans foi condensada em um poder etérico,iniciático dentro de dois triângulos entrelaçados  nos 108 mantras de Koatay 108 ,cujo espaço iniciático encravado num vale numa simbologia universal energizados pela força do sol e da lua, a força da terra, dos poderes das águas, onde uma Clarividente olhou para o céu e com uma varinha na mão riscou a Estrela candente.
            Faltava o elemento humano para nessa junção de forças ser o motor que conduziria esses poderes através das dimensões onde novamente no universo infinito as Amacês conduzissem espíritos para sua regeneração.
            E Neiva com os poderes que lhe foi conferido em sua contagem das estrelas em Agla 108, preparou homens que tiveram que assumir um compromisso de  despir de sua roupagem transitória paras serem Mestres, e assim Mestres e Ninfas partiram com suas roupas especiais para Estrela candente, num compromisso assumido por seu comandante um veterano de outros mundos chamado Seta Branca diante de Jesus na transformação de povos encarnados e desencarnados para novamente adquirir o direito de caminhar pelo imenso universo infinito até sua origem novamente...Capela.
            Hoje temos o livre direito de escolher em que mundos desejamos caminhar, olhamos para o céu e nossos olhos levam ao nosso coração uma saudade inexplicável de viajar entre essas estrelas brilhantes para encontrar nossa família espiritual. Para isso nos transformamos em Jaguares do Amanhecer.... Mergulhamos primeiramente em nosso interior, renovamos nossa conduta e elevamos os braços e olhos ao céu na elevação cabalística e devolvemos a Deus suas ovelhas perdidas...

            Gilmar
Adjunto Adelano