PREOCUPAÇÕES DOUTRINÁRIAS




PREOCUPAÇÕES QUANTO AO NOSSO FUTURO DOUTRINÁRIO

            Salve Deus!

            Nesse final de semana houve em Teresina PI , com a  presença do trino Ajarã várias consagrações. Em meio as mesmas, sempre surgia a oportunidade  de vários mestres poderem conversar com o Trino. Nessas conversas sempre vinha a baila , o futuro da doutrina.

Ficou marcado e digno de nota a preocupação do Trino Ajarã com nosso momento atual, seu desejo de unificar os templos do Amanhecer e o templo mãe, assim como sua preocupação com o futuro da doutrina ficou bastante evidente. A necessidade de um processo melhor quanto ao desenvolvimento mediúnico, principalmente na forma de linguagem para os médiuns que estão chegando, mas com a preocupação de manter a essência da doutrina. O segredo da iniciação, o Trino cogita em dar espaço de um ano entre o período de emplacamento do médium a iniciação Dharman-oxinto. Segundo ele , em um ano, o aspirante a doutrina terá mais tempo de pensar se seu desejo é realmente permanecer na doutrina, se não, ele continuará sua jornada em outro lugar sem estar com o plexo alterado por uma iniciação.
            O que observei durantes essas conversas é a capacidade mediúnica intuitiva do Mestre Gilberto Zelaya, como ele universaliza suas decisões, ele consegue ver além do fato isolado e procura suas implicações tanto a nível físico quanto espiritual. Falou-se também na capacidade mediúnica do Doutrinador, e como essa mediunidade está mecanizada, em detrimento as nossas leis, e também por alguns Mestres não observarem o principio que rege as mesmas, a espiritualidade teve que colocar leis rígidas; e essas ainda em muitos casos, são quebradas.

            A evangelização outra grande preocupação do Trino ajarã para os templos do Amanhecer, e como será feita, como poderia auxiliar nossos médiuns, principalmente para enfrentar as dificuldades geradas pela ação do carma e dos problemas atuais.

O médium não está conseguindo equacionar suas frustrações , assim como, não está conseguindo encontrar em sua doutrina forma para resolve-los. Pensou se, em uma forma de evangelização que esclarecesse e desse suporte ao médium, que o tornasse mais manso de coração e também o colocasse diante de uma doutrina, cuja essência ficasse mantida dentro dos princípios hierárquicos deixados ple Clarividente.
            Para que todas essas coisas pudessem ter efeito , segundo o Trino, é necessário que haja um local, uma base física para que os médiuns pudessem ser formados e assim, com essa consciência doutrinaria tornassem fatores de multiplicação junto ao corpo mediúnico.
            Sabemos que essa caminhada é longa e requer paciência, o que também pudesse observar é a vontade de nossos médiuns para que tudo isso  ocorra  mais breve possível.
            Pai Seta Branca é o gestor desse sistema, e com certeza a corrente mestra  como sustentação de tudo isso, é sua grande preocupação, e como disse certa feita incorporado na Clarividente ; “Entregaria com êxito essa missão a Jesus”.
            Façamos nossa parte!

            Gilmar
Adjunto Adelano

Julho-2013