CLASSIFICAÇÕES E CONSAGRAÇÕES





            Salve Deus!
            Certa feita alguém disse : Na doutrina do Amanhecer, não há poder de mando,pois tudo no que se refre a ela  é espiritual, mas a sua atuação no homem é demasiadamente concreta. Esse fenômeno acontece de forma bastante interessante e as vezes desagradável, analisemos nas:
            Essa situação ocorre muito em relação ao posicionamento conquistados principalmente pelos Mestres, já que as ninfas não padecem tanto da condição das classificações.
            É muitíssimo normal, já vermos o Doutrinador quando diante dos Devas em sua primeira classificação, já almejar uma outra maior.
            As classificações surgiram com a função de outorgar a um Mestre a condição do mesmo alcançar níveis maiores de energia, e essa serve exclusivamente para que o mesmo manipule forças e heranças transcendentais cuja função e o reajuste ou sanar suas dividas com seus cobradores. Tia Neiva disse que só nos reajustamos por amor. Então , temos que admitir que uma divida será dificilmente paga quando um Mestre “força, “atropela” a condição normal para alcançar suas classificações.
Também temos que pensar na justiça ou razão espiritual que os Mentores administram a condição da liberação da cota ou espíritos para realizarem seu direito de cobrar. Portanto , cada sofredor é “liberado”,  “autorizado” a fazer sua cobrança de acordo com a classificação que o mestre ostenta e buscou.
Fica muito triste uma situação em que um mestre ou ninfa usa de sua pretensa condição para estabelecer mando e que muitas vezes constrange seu irmão ou irmã de doutrina, essas situações ocorrem normalmente quando esses mestres detem uma condição a nível de classificação conquistadas de forma irregular ou pressionando seu adjunto ou os Mestre Devas.
            As classificações outorgadas pelos Mestres Devas durante um ritual devem acontecer à nível intuito,espiritual. Nesse momento quando o Mestre apresenta-se diante dos mesmos, os Devas do Espaço, juntos com os Mentores daqueles que ali estão almejando uma classificação, baseados na herança transcendental e condição cármica do mesmo , dá lhe sua classificação, seu registro que será ouvido nos planos espirituais.
            Em uma classificação com a Clarividente, que tinha os olhos jurados a Jesus, diante de um Doutrinador ela diz:
            -Meu filho! Só não lhe dou Koatay 108(era a ultima classificação da época), porque você não tem condição de sustenta-la.
            Quando um mestre emite sua classificação ele a registra nos planos espirituais, e o cobrador ou obsessor não quer de forma alguma saber , se aquela classificação lhe cabe ou não, ainda mais por ser um desejo vaidoso do mestre.
            Hoje a busca da grande maioria dos Doutrinados é ser classificado como um Arcano. Essa classificação era tratada por Tia Neiva com imenso carinho e respeito. O Mestre Tumuchy chegou a afirmar que os Ministros dos Arcanos, nunca estiveram encarnados na Terra. Existe um fato que doutrinariamente não tem como negar, isto é, baseados nos reais conceitos de nossa Clarividente, a Tia Neiva e que está registrado em áudio e por certo também escrito em nossos registros em acervo de nossa doutrina e também dito pelo Mestre Tumuchy.
            Somente um iluminado poderá conduzir outro a iluminação ou,
            Somente um iniciado poderá conduzir outro a uma iniciação!
            NESSA DOUTRINA QUEM TEM PODERES INICIÁTICOS PARA  REALIZAR OU CONSAGRAR UM ADJUNTO ARCANO, SÃO OS TRINOS SUMANÃS OU AJARÃ!!!
            Em uma reunião questionado sobre um  determinado Mestre que estava a emitir uma classificação que não possuía, o Trino Ajarã respondeu!
            Meu filho! Se um Mestre começar a emitir que é Jesus Cristo, o que posso eu fazer?
            Os mestre Devas, todos eles, inclusive o Primeiro e segundo filho de Devas, são responsáveis pelos rituais, as falanges missionárias e também dar classificação até Adjunto Koatay 108 herdeiro triada harpasios raio adjuração rama 2000. Também para montar um ritual a pedido dos Trinos Presidentes Triadas para consagrar um Adjunto Arcano, mas não classifica-los!
            Nossa doutrina não é uma agremiação ou uma organização física, onde titular pessoas ou outorga-las é simples, existem aspectos transcendentais entremeados a essa condição, pois ocorrerá que um Mestre emitindo fora de sua faixa de herança não será ouvido nos planos espirituais.
            Outro fato real ,também segundo nossa clarividente:
            Um Mestre pode alcançar a outro em sua classificação, mas nunca em suas consagrações! Traduzindo, mesmo os Mestres Arcanos Classificados dentro da real condição de nossa doutrina tem hierarquias diferentes, mesmo sendo todos Arcanos. Dos chamados Trinta e nove classificados e consagrados em 1978 existe diferença em sua hierarquia e classificação, pois primeiro foi consagrado o Adjunto Arjuna Rama Adjuração, depois os Adjuntos Raja Adjuração. Em função justamente da disputa hierárquica , Tia Neiva nivelou-os todos em Rama Adjuração. Portanto um Mestre Classificado Arcano por exemplo em 10 de janeiro de 2000, será hierarquicamente superior a um mestre Classificado 30 de dezembro do mesmo ano. Essa hierarquização é espiritual, foge da alçada das nossas convenções humanas.
            O correto doutrinariamente, espiritualmente,dentro das leis de Nosso Senhor jesus Cristo é: Quanto maior a classificação de um Mestre, por ser baseado no conceito de herança, maior é sua humildade. Mas o que assistimos em sua grande maioria é justamente a velha estrada a ser copiada. São Mestres humilhando, subjugando outros em função de uma classificação.
É preciso nos conscientizarmos que, não sabemos que está a nossa frente, com quem estamos lidando,e lembrando mais uma vez o Trino Arakém que nos disse o seguinte:
            Meus Mestres! Nessa doutrina a coisa mais fácil de se fazer é: Dividir, somar é algo difícil.
            Já o primeiro mestre Sol Trino Tumuchy nos afirma:
            “Muitos chamados a uma consagração, mas nem todos são consagrados”
            Mesmo diante dos canais normais de uma classificação há uma lei imutável....Ser classificado é uma coisa, conquista-la outra situação mais complexa,trabalhosa e demorada!!
            Também se vê muito em nossos Templos são mestres buscando intempestivamente a condição de serem Mestres Devas. Mestres devas são os maestros de nossa doutrina. São eles que propiciam o perfeito funcionamento de nossos rituais, de nossas consagrações, são indivíduos que deveriam ser intuitivamente designados pelos Devas do espaço para harmonizar e classificar ninfas e mestres para prosseguirem sua jornada mediúnica...Então vem a pergunta: Um posto dessa importância, conquistado as vezes sob condições forçadas terá o mesmo valor?
            Ainda precisamos baixar nossas armas e as virarem contra nós mesmos,precisamos entender que somos uma corrente, e esta é formada por elos, os quais, como disse nosso Pai Seta Branca: “Eu os vejo como pequenos acumuladores de cargas tão iguais”.
E outra máxima de nossa Mãe mentora:
            “Ninguém seguirá para origem enquanto não chegar o ultimo de nossa família”
            Não é nossa intenção aqui nessa dissertação criticar quem quer que seja, mas sim tentar resgatar os valores de Tia neiva no conceito de se espiritualizar, procuro sim ouvi-la apontando primeiramente as armas contra mim mesmo!

            Gilmar
Adjunto Adelano
Novembro 2012