O MESTRE QUE QUERIA DEIXAR A DOUTRINA



O MESTRE QUE QUERIA DEIXAR A DOUTRINA
            Salve Deus!
            Vou tentar refazer uma história que ouvi e já publiquei , mas não consegui encontra-la, portanto se alguém já a leu e encontrar alguma diferença,queira nos perdoar.
            O velho doutrinador com muitos anos de doutrina, conhecedor das leis, sempre cumpria seus retiros e comandos, mas não sentia sua vida melhorar. Seu relacionamento afetivo complicado, as finanças ainda mais. E essas dificuldades foram tirando o bom animo daquele Mestre que um dia resolveu ir ao templo e conversar com os Pretos velhos, tomar a decisão de abandonar a Doutrina.
            Pegou sua indumentária colocou em sua mochila e com o coração um pouco partido foi cumprir a missão que lhe restava.
            No encerramento resolveu tomar a benção de uma Preta velha.
Tão logo sentou e se identificou a Preta velha lhe disse:
            -Salve Deus meu filho estava mesmo lhe aguardando. Tenha uma história para lhe contar!
            Essa noite fui levar um mestre nosso  aqui para fazer uma caminhada pelos mundos espirituais. O levei a um lugar muito bonito e de lá avistava uma cidade ainda mais bonita. Então ele me perguntou!
            Vó Catarina  quem mora ali naquela cidade?
            Respondi assim meu filho: Ali moram as pessoas que tem bastante bônus. Depois de muito ajudar, conquistaram o sagrado direito de ali estar com toda a sua família espiritual, pois não devem mais e nem cobradores na Terra.
            É Vó Catarina é realmente muito bonito esse lugar!
            E aquela cerca que tem ali, para que serve?
            Meu filho! Aquela cerca é magnética não permite que espíritos que vibram em outra intensidade passe para lá- Respondeu a Vó catarina!
            Mas, meu filho foi então que ele avistou um outro Mestre que estava sentado em uma pracinha muito triste e chorando...
            Então eu disse a ele:
            Tá vendo aquele Mestre, trabalhou muito na doutrina, libertou a muitos, ganhou seus bônus mas, não foram suficientes para conquistar o direito de morar naquela cidade, pois deixou a doutrina e sua missão.
            E aquele Mestre era você meu filho, por isso estava lhe aguardando para lhe contar essa história..
            Mas meu filho o que queria mesmo dizer a essa Preta Velha?
            _ Nada não vozinha, só vim mesmo pedir sua benção e lhe dizer que vou dizer para meu Adjunto me escalar o  máximo que le puder nas escalas do temlo.

            Boa troca de Rosas a todos.
            Gilmar
            Adjunto Adelano
Outubro 2012