A PREOCUPAÇÃO COM MATERIAL DOUTRINÁRIO A SER DIVULGADO


A PREOCUPAÇÃO COM MATERIAL DOUTRINÁRIO A SER DIVULGADO

            Salve Deus!
            Certa feita o Mestre Bálsamo em uma de suas palestras disse algo bastante interessante:  “O ACERVO ESTÁ NAS MÃOS DE MUITAS PESSOAS, PORÉM, CONTINUA AINDA VELADO A MUITOS”
            Hoje com a difusão dos meios de comunicação nossa doutrina está mais conhecida por seu corpo mediúnico. Certa feita disse ao Trino Ajarã da necessidade de levar conhecimentos ao nosso corpo mediúnico pois, havia alguns mestres que detinham esse conhecimento e acabavam fazendo seus componentes seus reféns.
            Também há  a preocupação do que deve ser divulgado, até onde devemos ir ao postar nossas coisas, principalmente na internet. Há muita gente com nosso material, e às vezes ouvimos alguém dizer:
 “Eu tenho quase todas as cartas de Tia Neiva”
            Quando perguntado, o que é feito delas a resposta é: estão guardados na gaveta lá de meu armário! Alguém me disse certa feita que não se preocupava com o que foi postado pois, o leitor só assimila aquilo que seu plexo pode! Realmente a assimilação de um conteúdo esotérico só fez por assimilação de chacras, mas há também outra preocupação e que tem tirado o sono dos instrutores:
            Há médiuns que lançam mão desse conhecimento e nas aulas questionam o instrutor sobre determinado assunto, já sabendo da resposta; apenas com intuito de colocar o instrutor em uma  espécie de saia justa.
            É bem verdade que não temos segredo em nossa doutrina, que não temos também nenhum ritual secreto. Também sabemos que para movimentação da energia espiritual , é necessário um conjunto de ações as quais, incluem desde o fator humano preparado quanto toda  uma condição arquitetônica para que essa energia possa ser movimentada. Mas também, não devemos esquecer que há uma guerra silenciosa tão eterna quanto o tempo no mundo espiritual e que muitos médiuns que antes foram tidos como excelentes cooperados entraram em um estado psíquico-obsessivo que já colocaram fogo em suas roupas. Sem mencionar outros que abrem seus templos quase de gente a um templo já estabelecido com a pura intenção de afronta.
            Fica pois a todos aqueles que partilham dessa ideia da divulgação do bom senso, simplesmente isso, e que é também uma parte integrante e importante de conduta doutrinária saber : como,onde, e aquém passar conhecimentos.
            Outro fato digno de nota: O material doutrinário de uma só pessoa “Neiva Chaves Zelay” Alguns felizardos conseguem ter acesso a esse material e de bom coração repassam. Mas a fonte a propriedade é de nossa Mãe.
Gilmar
Adjunto Adelano
Outubro 2010